Notícia

Política

Reverendo irrita senadores na CPI da Covid

Postada 04/08/2021



O reverendo Amilton Gomes de Paula, depoente de ontem na CPI da Covid, irritou senadores do colegiado ao fornecer respostas imprecisas e com contradições. Em um dos breves momentos de maior clareza de raciocínio, a testemunha confirmou ter atuado como um dos elos para que a Davati Medical Supply —empresa americana representada pelo policial militar Luiz Paulo Dominghetti— conseguisse ofertar ao Ministério da Saúde um suposto lote de 400 milhões de doses da vacina AstraZeneca. 
Amilton, que é líder da entidade evangélica privada Senah (Secretaria Nacional de Assuntos Humanitários), disse ter sido procurado por Dominghetti em 16 de fevereiro deste ano. Posteriormente, no dia 22, o religioso teria encaminhado um simples email à SVS (Secretaria de Vigilância em Saúde) com o objetivo de agendar uma reunião.
 
* Leia a matéria na íntegra na edição impressa do Jornal da Manhã 
 


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por