Notícia

Geral

Eventos e pubs estão liberados no município

Postada 14/01/2021



O Executivo municipal publicou novo decreto na terça-feira, flexibilizando atividades em Ijuí, dentro do que está previsto para a bandeira laranja. 
Assim, as mudanças principais se voltam às igrejas, que poderão ter ocupação de 30% de sua capacidade - e não mais 30 pessoas; clubes sociais, com 50% da lotação, também para lazer; quadras esportivas estão liberadas com intervalo de uma hora entre os jogos; eventos podem ser realizados, com limite de 70 pessoas, com música ao vivo; em bares e pubs estão liberadas até oito pessoas por mesa, com espaçamento de dois metros, podendo permanecer em pé ao redor da mesa, e com música ao vivo.
Conforme parágrafo único no decreto municipal, nos bares e pubs a entrada de clientes será permitida até as 23h, com enceramento das atividades até as 2h.
"Sempre friso que a responsabilidade é exclusiva do estabelecimento, então, o bar, pub, que colocar música ao vivo e aderir à regra de poder ficar em pé ao redor da mesa, terá que se responsabilizar, ter um cuidado extremo para isso. Não pode acontecer aglomeração, está proibida balada, não estamos em uma situação normal. Foram flexibilizadas algumas regras para começar a voltar a vida normal em segmentos que estavam fechados, mas essa permanência irá depender da conscientização das pessoas", alerta o secretário de Governo, Paulo Girardi, reforçando que os empresários devem levar a fiscalização a sério, sendo rígidos no cumprimento das regras.
Nesta semana, o governo do Estado aceitou pedido de atualização do Plano de Cogestão da Região 13, encaminhado por iniciativa de Ijuí. Com isso, os Municípios que fizeram adesão  estão autorizados a flexibilizar as regras de distanciamento controlado até a bandeira anterior de classificação da sua região, conforme decretos estaduais.


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por