Notícia

Geral

"Economia só gira se cada um fizer a sua parte"

Postada 26/11/2020



Após o governador Eduardo Leite alertar sobre a possibilidade de ampliar as restrições no Estado, a Associação Gaúcha para Desenvolvimento do Varejo (AGV) retomou a campanha  Economia local depende da sua ação pessoal.
A ação visa conscientizar os consumidores de que é necessário impedir a disseminação do vírus para manter o comércio em funcionamento no Estado. 
Desta vez, a campanha tem como foco central as compras do final de ano. Segundo o presidente da AGV, Sérgio Galbinski, a "luz amarela" já havia sido acessa pela coordenadora do Comitê de Crise do governo do Estado, Leany Lemos. "Fazemos parte do grupo e há dias a Leany estava dando sinais de alerta.  O pronunciamento do governador só confirmou o que já esperávamos. Atualizamos a campanha com a frase 'Espalhe essa ideia para não espalhar o vírus' para reforçar a ideia de que a economia só vai girar se cada um fizer a sua parte." 
Na terça-feira, Eduardo Leite afirmou que o governo estuda alterativas para não impor maiores dificuldades econômica no momento em que as pessoas esperam uma retomada, mas que não descarta a adoção de medidas mais restritivas, caso seja necessário.
 Para Galbinski os empresários também são responsáveis pela educação da população."Dentro as lojas, as pessoas seguem todos os protocolos estipulados. Da porta para fora, a prevenção deve ser a mesma. Nós podemos auxiliar a população nessa conscientização." 
Segundo Galbinski, as peças da campanha serão enviadas para as entidades que representam os lojistas no interior do Estado. "O mais importante é conscientizar a população de que, se o contágio aumentar, as lojas vão deixar de existir. As operações podem até não falir, mas alguns lojistas vão simplesmente desistir de manter o negócio aberto. "Chegamos à conclusão que é necessário pedir ajuda para a população. Infelizmente, algumas pessoas estão se reunindo com amigos, fazendo festas e não estão usando bem os equipamentos de proteção individual. Precisamos da ajuda de todos, caso contrário quem está seguindo as regras corretamente vai ser prejudicado". 
A entidade também incentiva os consumidores para que adquiram produtos no comércio local. "Estamos passando por um período de incertezas, de prejuízos que ultrapassam o aspecto econômico. Os desafios são diários para clientes e empresariado local. 


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por