Notícia

Esportes

São Luiz enfrenta o Joinville fora pela terceira rodada

Postada 01/10/2020



O São Luiz disputa hoje a sua terceira partida na Série D do Campeonato Brasileiro. O desafio é fora de casa e mais uma vez em Santa Catarina contra um adversário tradicional do futebol brasileiro, o Joinville que até há pouco tempo estava na Série A do Brasileirão. De 2015 para cá, o time catarinense foi caindo de divisões.
O técnico Antônio Picoli tem uma dúvida para confirmar a equipe.O atacante Juba se recupera de uma pancada sofrida no joelho direito na partida contra o São Caetano no último sábado. Fez trabalhos leves terça-feira e ontem durante o treinamento rubro no CT do Joinville. O jogador sofreu um edema no ligamento colateral do joelho. Faz tratamento e será avaliado antes da partida.Caso não tenha condições quem entra no time é Gustavo Índio. O volante Rafael Jataí recuperado de uma contusão no adutor da coxa esquerda deve ficar de fora. Está sendo preparado para enfrentar o Caxias no próximo domingo.  Tássio segue entre os titulares.
Everton Júnior que se recuperou de uma lesão no dorso do pé, deve substituir Matheus Lagoa.No treinamento de segunda-feira ainda em Ijuí, Picoli testou o zagueiro Sílvio como volante, com a entrada de Júnior Alves ao lado de Jadson na zaga. Germano passou a fazer a função de extrema pela esquerda, com Paulinho Santos jogando mais adiantado no meio.
O polivalente Germano prevê um jogo difícil, mas disse que o São Luiz têm totais condições de fazer uma grande partida como foi em Tubarão e sair com a vitória."Trabalhamos bem nesses dias depois do jogo com o São Caetano. Jogamos bem, mas infelizmente não conseguimos os três pontos. Vejo nossa equipe crescendo a cada dia", comentou Germano, reconhecendo que o grupo tem ainda muitas coisas a melhorar.
O Joinville treinado por Fabinho Santos, ex-atacante do Coritiba nos anos 2000, tem desfalques. O lateral-esquerdo Mayk se recupera de lesão no músculo posterior da coxa. Está no trabalho de transição com bola; o atacante Luquinhas sofreu estiramento no posterior da coxa direita, faz tratamento, o zagueiro André Baumer, recuperado de uma lesão na lombar, está em transição com bola e o garoto da base Wallisson, vem de uma lesão de posterior. Em transição sem bola.
O quarteto, inclusive, já está entregue ao DM desde a estreia do time diante do Novorizontino. Desses, Luquinhas e Mayk poderiam ser titulares neste momento. Luquinhas foi artilheiro do time no estadual, com quatro gols, e sentiu a contusão na véspera da estreia do time na Série D. Mayk chegou para a reta final do Catarinense, participou das duas partidas das quartas de final, de toda intertemporada e se lesionou há uma semana da estreia no Brasileiro.A equipe atacando, chega a ser um sistema 4-3-3, mas em boa parte é 4-2-3-1. Ontem à noite o Joinville divulgou uma nota informando que quatro integrantes do departamento de futebol do clube testaram positivo para Covid-19. Os testes PCR foram realizados na terça-feira, seguindo os protocolos exigidos pela CBF para o jogo diante do São Luiz. Na tarde da quarta-feira recebeu os resultados. Os funcionários que testaram positivos foram afastados e estão em isolamento. O clube não informa os nomes dos infectados, que seriam o técnico Fabinho Santos, o lateral-direito Edson Ratinho, o lateral-esquerdo Mayk, que estava no departamento médico e  André Rosa. No jogo diante do São Luiz a equipe será orientada pelo auxiliar William Fabbro.


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por