Notícia

Polícia

Ijuí: troca de tiros com a BM resulta em criminosos feridos; local do confronto seria dinamitado

Postada 25/09/2020



Uma troca de tiros com policiais militares deixou dois criminosos feridos na noite de ontem, em Ijuí. A ocorrência foi registrada na Rua Afonso Roberto Brendler, no bairro Getúlio Vargas, em uma área que está sendo saturada pela Força Tática e pelo 3º Batalhão de Choque de Passo Fundo, que reforça o policiamento no município a cerca de 15 dias.
As guarnições se depararam com duas pessoas suspeitas e, quando foram realizar a abordagem, foram recebidos a tiros. Em revide, e na tentativa de prendê-los, os brigadianos dispararam contra os criminosos que, após baleados, se entregaram.
No local, foram apreendidos um revólver calibre 38 com seis munições, sendo quatro intactas e duas deflagradas, uma balança de precisão, e mais de 250 pedras de crack.
Os presos baleados foram identificados como sendo Davi Felipe da Silva, de 18 anos, natural de São Leopoldo. Ele sofreu disparos em uma das mãos e em uma das pernas. Já o outro capturado trata-se de Pablo Guterres Rolim, de 26 anos, natural de Ijuí. Este, sofreu um tiro na perna.
Ambos foram conduzidos ao Hospital de Caridade de Ijuí (HCI) com ferimentos sem gravidade.
 
CASA SERIA DINAMITADA
A residência onde houve a troca de tiros seria a mesma onde uma facção criminosa colocaria explosivos. Os dinamites foram encontrados na noite de segunda-feira, dia 24 de agosto, em um apartamento localizado no 4° andar do condomínio Bela Vista, localizado no bairro São Geraldo, e foram encontrados na noite de segunda-feira. O objetivo dos criminosos era usar as bombas para destruir uma residência no bairro Getúlio Vargas, onde funciona um dos principais pontos de comercialização de entorpecentes, liderado pela facção rival.
Na ocorrência, dois homens e uma mulher acabaram pesos pela Brigada Militar.

IRMÃOS ENVOLVIDOS EM CRIMES GRAVES
 
O irmão de Pablo Guterres, um jovem, acusado de praticar furto e assalto em Ijuí, foi preso no início da noite de quinta-feira pela Brigada Militar, pouco antes da troca de tiros. A prisão decorre de mandado de prisão preventiva da 1ª Vara Criminal de Ijuí, sendo pedida pela Polícia Civil. A abordagem ocorreu no Bosque dos Capuchinos, no bairro São Geraldo e localizou João Carlos Guterres Rolin, de 20 anos.
O irmão da dupla, Jardel Guterres Rolim, de 24 anos, foi encontrado morto, ferido com dois disparos de arma de fogo, em uma via no bairro Getúlio Vargas. A ocorrência foi registrada na madrugada do dia 11 de julho.
Recentemente, o irmão do trio, um adolescente de 17 anos, também havia sido baleado no mesmo bairro.

Por: Leonardo Carlini


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por