Notícia

Geral

PF investiga crimes no auxílio emergencial

Postada 15/09/2020



A Polícia Federal está fazendo um conjunto de ações para combater um suposto esquema de fraudes no saque do auxílio emergencial  que vem sendo pago pelo governo federal principalmente a trabalhadores informais por causa da pandemia do novo coronavírus. Na região, a responsável pela investigação é a delegada Gabriela Aquino, que viu o número de crimes de estelionato aumentar nestes últimos meses.
“Nós estamos com uma grande demanda envolvendo auxílio de pessoas que pediram indevidamente e essas investigações estão sendo priorizadas”, disse em entrevista ao Grupo JM a delegada. 
Também estão incluídas na incumbência da PF a repressão do  tráfico internacional de drogas e o contrabando, que passam pelo Rio Uruguai, na fronteira com a Argentina. "Esses pontos centrais  a Polícia Federal atua e que não há tolerância. Nós deflagramos duas operações de descaminho de bebidas alcoólicas nos últimos dois meses e conseguimos desbaratar duas organizações", disse,  lembrando que o desequilíbrio cambial em relação a moeda argentina, a valorização desse tipo de produto no mercado nacional fazem com que os criminosos tentem aumentar esta prática de crime.
Entre as dificuldades apontadas pela delegada estão a falta de servidores. "Os desafios são grandes, pois a criminalidade sempre caminha em frente à Polícia. O criminoso sempre está pensando ante e nós estamos combatendo.  O desafio é justamente tentar se adiantar e tentar chegar antes da criminalidade, tentar pegá-los desprevenidos."
Um dos caminhos apontados pela delegada está a integração com as redes de inteligência da  Polícia Civil e Brigada Militar, o que segundo Gabriela, é uma das vantagens da abrangência nacional, pois a criminalidade não tem fronteiras."Neste ponto a integração é importantíssima e a Polícia Federal atuar no Brasil inteiro ajuda muito também, porque as organizações estão em todo o País."


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por