Notícia

Política

Leite empossa novos secretários estaduais

Postada 02/06/2020



Anunciada na sexta-feira, a primeira reforma administrativa no secretariado foi efetivada ontem, com a posse de dois novos secretários: Rodrigo Lorenzoni (Desenvolvimento Econômico e Turismo) e Mauro Luciano Hauschild (Justiça, Cidadania e Direitos Humanos).
A terceira mudança envolve a integração da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) e a Secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE), que ficará a cargo do já titular da SGGE, Claudio Gastal.
O ato simbólico de posse foi conduzido pelo governador Eduardo Leite no gabinete das duas pastas, que ficam no Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff), na capital. "Fiz questão de vir pessoalmente, no gabinete que cada um de vocês vai assumir, para marcar o início de trabalho e dar as boas-vindas", afirmou Leite.
Procurador federal e ex-presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Mauro Luciano Hauschild assumiu oficialmente a Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH) no lugar de Catarina Paladini, que estava em agenda externa e não pode estar presente.
Depois da separação, cuja data de finalização não está definida, Lorenzoni – que já foi secretário de Articulação e Apoio aos Municípios no início da atual gestão e, como deputado, colaborou na aprovação da Reforma RS na Assembleia Legislativa – comandará a pasta do Turismo.
"Costumo dizer que nunca deixei o governo, apenas troquei de sala, porque sempre trabalhei em prol dos projetos do governo. Assumo, agora, com esse desafio inicial de desmembramento, ao lado do secretário Bender, para em seguida focarmos nas medidas de desenvolvimento econômico e turismo do nosso RS", ressaltou Lorenzoni.
O governador agradeceu pelo trabalho desenvolvido por Bender e disse que a divisão das pastas é justamente para que as ações possam ser mais direcionadas e efetivas, já que o setor será fundamental no período da retomada econômica pós-pandemia.
No comando da SGGE, Claudio Gastal está acumulando, desde ontem também a Seplag. Leany Lemos deixou o comando da pasta para ocupar uma das diretorias do BRDE. Como o Rio Grande do Sul será o próximo Estado a exercer a presidência rotativa da instituição, Leany será presidente e irá se tornar a primeira mulher à frente do banco.


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por