Notícia

Saúde

Sentinela recebeu 600 ligações na última semana

Postada 26/03/2020



Com o intuito de informar a população a respeito do novo coronavírus, evitando o deslocamento dos cidadãos até emergências e postos de saúde, o município criou a Equipe Sentinela, em atuação desde o dia 12 de março. Formada por profissionais de saúde, acadêmicos e residentes de Medicina, a equipe recebeu, somente na última semana, cerca de 600 ligações. O grupo, que inicialmente era formado por quatro pessoas, hoje conta com 10.
“Temos três números de telefones à disposição da comunidade e, na última semana, não parávamos um minuto de receber ligações. Alguns comunicavam sintomas, outros ligavam para receber orientações ou tirar dúvidas”, explicou o enfermeiro responsável pela Equipe Sentinela, Eladio Santiago Sasso. Na última semana, também foi constante o número de contatos de pessoas vindas de fora do Estado ou do País. “Um dos principais objetivos da Equipe é tirar dúvidas por telefone, evitando que as pessoas se desloquem até unidades básicas de saúde, até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ou hospitais. E isso tem acontecido. Temos percebido uma redução de atendimentos presenciais. As pessoas estão conscientes que devem ficar em casa e estão preocupadas, com medo de se contaminar e contaminar outras pessoas. Muitas ligam com dúvidas sobre como proceder, como seguir seu dia a dia."
Diante de casos suspeitos de Covid-19, a equipe segue o protocolo do Ministério da Saúde. “Até o momento, atendemos 20 casos suspeitos, realizando a coleta do material e encaminhando para exame. Assim que recebemos o resultado, contatamos a pessoa. A orientação do Ministério da Saúde, para estas situações, é o isolamento domiciliar. A pessoa vai sendo monitorada e entra em contato diante de qualquer sintoma.”
A Equipe Sentinela atende em horário comercial, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30, pelos números 3331-8837, 98451 – 1008 e 98451 – 1009. Neste final de semana, sábado e domingo, também haverá plantão em horário comercial. “Queremos avaliar como vai ser a demanda, para manter ou não o atendimento”, destacou Eladio. Fora deste horário, não há canal disponível no município.


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por