Notícia

Geral

Legislativo apresenta considerações finais

Postada 10/01/2020



O Legislativo municipal realizou audiência pública na manhã de ontem, para apresentação das considerações feitas na Lei Orçamentária Anual (LOA) 2020, enviada à Casa pelo Executivo municipal. Participaram da audiência, além dos secretários municipais, a comunidade, que teve a oportunidade de esclarecer dúvidas relativas ao orçamento deste ano.
Secretária municipal de Planejamento, pasta responsável por compilar os dados, ouvir demandas dos bairros, organizar o orçamento e apresentá-lo ao prefeito, Márcia Boniatti contou ao Grupo JM que a principal dúvida da comunidade presente foi relativa à contemplação das solicitações feitas durante as reuniões nos bairros.
Já os vereadores apresentaram dúvidas relativas aos investimentos, em que boa parte é destinada à melhoria das vias públicas - com recursos oriundos do Badesul, emendas parlamentares e um percentual de receita própria.
"Quando a gente abre as despesas consolidadas, por tipo, ficou o investimento em torno de R$ 25 milhões. Mas, temos que levar em conta que não é somente pavimentação, mas dentro das despesas correntes, de encargos e pessoal, há outras despesas correntes que têm R$ 166 milhões, que é esse investimento em melhores condições para a população, em termos de saúde e educação."
Nesse sentido, Márcia destaca a conclusão de obras de Estratégias em Saúde da Família e o início de outras, e na Educação, a entrega de nova escola infantil. "Mas, o que deixamos especificamente em investimento seria para pavimentação, tanto na zona rural quanto urbana, que foi campeã de solicitações nas reuniões que fizemos nos bairros, que é a melhoria das vias públicas."
Conforme a secretária, a exemplo de anos anteriores, o maior orçamento vai para a Saúde, R$ 86,8 milhões, correspondendo a 31,5% do total, e para a Educação, R$ 81,2 milhões, o que representa 29,7% do total. "A despesa com pessoal tem várias interpretações, mas fica em torno de 50%. Um pouco mais, um pouco menos, incluindo as autarquias", completa.
Depois da realização da audiência, uma nova reunião acontece hoje, para que então o projeto de lei do orçamento seja encaminhado à pauta de votação da Câmara Municipal, na próxima segunda-feira. Se aprovado, a expectativa é de que o orçamento seja aberto a partir do dia 15 de janeiro.


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por