Notícia

Educação

Inclusão de surdos é trabalhada em eventos

Postada 02/09/2019



Desde ontem, o intérprete internacional Marco Arriens realiza um workshop em Ijuí, junto ao auditório da Escola Estadual de Ensino Fundamental Rui Barbosa, o Ruizinho. O evento iniciou na noite desta sexta-feira, com aula teórica; e segue hoje e amanhã, com aulas teóricas e de linguagem corporal expressiva. O evento é promovido pelo Centro de Atendimento Integral ao Surdo (Cais), com apoio da Unijuí, através do Núcleo de Acompanhamento e Acessibilidade Institucional (Naai).
“Essa é a primeira vez que realizo um workshop com esta formatação. Ijuí sai na frente ao atender uma demanda das leis obrigatórias de inclusão social e, principalmente, inclusão escolar”, destacou Arriens, ao Grupo JM. O workshop, segundo ele, apresenta orientações sobre como lidar com a pessoa surda, o que são as identidades surdas, e sobre como fazer a inclusão de forma correta. 
“Muitas vezes o aluno surdo é incluído numa escola, mas acaba excluído do próprio processo de inclusão. É preciso preparar os profissionais para que saibam quem estão recebendo e como trabalhar com este estudante surdo. Colocar um intérprete não resolve a questão. Essa é uma falsa representação de inclusão. Por isso a importância deste workshop, que prepara os educadores, os demais profissionais, para o atendimento a este público”, reforçou.
Ontem pela manhã, antecedendo o workshop, foi realizada na Sede Acadêmica da Unijuí uma palestra sobre “Famílias eficientes para filhos (d)eficientes: do luto à luta”. A cargo de Arriens, o evento também foi promovido pelo Cais e Naai/Unijuí.


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por