Notícia

Geral

Colégio Tiradentes realiza campanha de doação de sangue

Postada 12/03/2019



O Colégio Tiradentes da Brigada Militar está com uma iniciativa voltada à solidariedade. Direção do educandário e estudantes realizam campanha de doação de sangue Doe Sangue Doe Esperança, em benefício do Hospital de Caridade de Ijuí (HCI). Como parte da ação, um grupo de estudantes realizou doações na manhã de ontem, dando início à campanha, que segue até sexta-feira.
"Devido à grande procura de nossos alunos, todos voluntários, sendo 77 no total, serão necessários outros dias. Ainda não temos data, devido às provas e testes, mas nesta primeira semana teremos 50 doadores. É uma ação muito importante, porque além desse gesto que ajuda a salvar muitas vidas, que é a doação de sangue, enquanto colégio, focamos no sentido de despertar e envolver no aluno a questão da responsabilidade social e cidadania", conta o diretor interino, tenente Nilton Vergílio Fredi.
Ele lembra que toda a rede de Colégios Tiradentes é fundamentada em seis pilares, que são os seis princípios dos educandários: hierarquia, disciplina, ética, moral, cidadania e responsabilidade.
"Então, basicamente sobre cidadania e responsabilidade, também social, o Tiradentes, sobretudo em Ijuí, costuma realizar campanhas de doações de alimentos, de agasalhos. Observamos, nos últimos anos, um crescimento no número de doações de sangue, entre estudantes, de forma individual."
Em função disso, a direção do colégio resolveu incentivar uma campanha coletiva, de forma a atender uma demanda dos próprios estudantes. Dos 225 alunos matriculados, um terço aderiu ao ato.
A falta do estoque de sangue em um hospital pode levar ao cancelamento de cirurgias e de procedimentos. Um exemplo é o paciente que faz quimioterapia, já que, caso não receba o suporte de transfusão, poderá não resistir ao tratamento.
Existem normas nacionais e internacionais para a triagem de pessoas aptas a doar sangue, sendo que órgãos como o Ministério da Saúde e a Associação Americana de Bancos de Sangue são responsáveis por esse controle.
Para doar sangue, é preciso estar em boas condições de saúde; ter entre 16 e 69 anos; pessoas acima de 60 anos só podem doar se já tiverem doado sangue alguma vez antes dessa idade; pesar no mínimo 50kg; estar descansado - ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas; estar alimentado, por isso evite alimentos gordurosos e aguarde até 2 horas para doar; apresentar documento original com foto, que permita o reconhecimento do candidato, emitido por órgão oficial.


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por