Notícia

Polícia

Número de mortes em rodovias cai no Estado

Postada 04/02/2019



O trânsito gaúcho teve uma boa notícia neste começo de ano: o número de mortes em rodovias federais do Rio Grande do Sul caiu 21,4% em janeiro de 2019, na comparação com o mesmo mês no ano passado. O balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF) aponta 22 mortes este ano, contra 28 em 2018.
O número de acidentes também caiu significativamente: de 346 para 302, uma queda de 12,7%. Foram 19 acidentes com morte em janeiro de 2019 contra 28 em janeiro de 2018, queda de 32,1%.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o trabalho permanente de fiscalização é uma das principais causas para a redução do número de acidentes. "No balanço de 2017 para 2018, já havíamos percebido uma redução de, em média, 20% no número de mortes, e isto se confirma novamente. O acidente envolve diversos fatores, mas a fiscalização e presença da polícia contribuem para a redução no número de acidentes. A PRF vem fazendo um trabalho diferenciado visando combater a mortalidade, e isso envolve planejamento e mapeamento, além de reforço da fiscalização em trechos crítico", afirma o superintendente substituto da PRF no RS, Luís Reischak Jr.
Chama a atenção também o número de multas já aplicadas em 2019: 32,5 mil, contra 30 mil em janeiro do ano passado. O número de multas por excesso de velocidade, a infração mais cometida, chega a 17,5 mil. Ainda foram aplicadas 1,8 mil multas por ultrapassagem indevida e 2,2 mil por falta de uso do cinto de segurança, entre outras. "O excesso de velocidade, a ultrapassagem proibida, a desatenção e a embriaguez são irregularidades que permanecem, e fazemos o trabalho de fiscalização e prevenção de forma permanente. Mesmo que cheguemos a uma situação em que houver apenas uma morte, continuaremos trabalhando",  garante o superintendente. 


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por