Notícia

Polícia

Sinpol quer diálogo com chefe da polícia do RS

Postada 10/01/2019



O comando da Polícia Civil pela delegada Nadine Anflor está gerando expectativa, principalmente entre os servidores que estarão sob a direção da primeira mulher. De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Rio Grande do Sul (Sinpol-RS), Emerson Lopes Ayres. 
“Nós temos uma expectativa bem grande de que tenhamos uma chefia de polícia pautada pelo diálogo, por uma construção permanente de melhorias tanto para instituição da polícia civil quanto para os policiais civis”, disse o Ayres em entrevista ao Grupo JM.
Nas próximas semanas, o presidente levará a pauta de reinvindicações e busca “através de um diálogo construtivo e propositivo fortalecer a segurança pública do Rio Grande do Sul a categoria”. 
De acordo com o Ayres, o fato da delegada Nadine ter atuado em delegacias e ter exercido a presidência da Associação dos Delegados de Polícia do Rio Grande do Sul, faz com que ela conheça a realidade dos servidores. “Ela é conhecedora, mas reforçaremos agora, na função de chefe da Polícia Civil, pautas que temos já encaminhadas desde o período pré-eleitoral ao candidato Eduardo Leite e agora governador empossado”, comenta.
Entre as pautas estão a reformulação imediata do Estatuto dos Servidores da Polícia Civil, que é de 1980, modernização da legislação de promoções dos policiais e a definição da data base de reajuste dos servidores. “Temos outras pautas também que iremos levar para conhecimento da delegada Nadine, para que juntos possamos construir uma polícia civil mais forte, mais efetiva, mais atuante e que tenha no seu quadro policial civis que estejam seguros e amparados pela legislação tanto no presente quanto para seu futuro na atividade policial”, finaliza.  


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por