Notícia

Política

Três temas ganham destaque nas discussões da Comissão de Assuntos Municipais

Postada 20/07/2018



De acordo com o presidente da Comissão de Assuntos Municipais da Assembleia Legislativa, deputado estadual Eduardo Loureiro (PDT), neste primeiro semestre o grupo de trabalho deu ênfase aos debates que já vinham acontecendo e que são importantes para o desenvolvimento das diferentes regiões do Estado.
Audiências públicas trataram da situação de alguns municípios que não têm acesso pavimentado, e a Comissão tem conseguido avançar neste aspecto. “Quando assumimos a legislatura, tínhamos quase 80 municípios sem acesso asfáltico e, agora, pelo levantamento que fizemos dias atrás, temos em torno de 55. Avançamos muito, mas, claro, há muito trabalho pela frente”, afirmou, destacando que esta é uma melhoria fundamental aos municípios.
A Comissão também se voltou ao debate que envolve a qualidade da telefonia móvel e da internet. “As operadoras não têm, definitivamente, prestado um bom serviço. Temos recebido muitas reclamações de cidades do interior e as operadoras não vêm fazendo investimentos em termos de ampliação e melhoria na rede, no sistema, e isto está sendo desproporcional em relação ao número de aparelhos de telefone que estão sendo vendidos”, destaca o parlamentar, lembrando que a zona rural não está sendo atendida e a própria legislação não exige que as operadoras atendam 100% do interior.
Outro tema, que nunca sai da pauta, é a situação dos hospitais filantrópicos, que continuam recebendo recursos atrasados e trabalhando com grande dificuldade. “Mesmo se os repasses estivessem em dia, já não é fácil conseguir manter as estruturas funcionando, porque o SUS paga pouco, imagina receber com atraso”, aponta.
A respeito das eleições que se aproximam, Loureiro diz que o PDT está muito otimista com o pré-candidato Jairo Jorge, ex-prefeito de Canoas. “É uma pessoa extremamente preparada, e afirmo isso com convicção. É o mais experiente, capacitado para governar o Estado por tudo que fez em Canoas. Ele fez não um bom, mas extraordinário governo naquela cidade, porque saiu do seu segundo mandato com quase 80% de aprovação. Ele foi considerado o prefeito mais bem avaliado do Estado”, reforça.


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por