Notícia

Polícia

Escoamento de droga preocupa PRF

Postada 19/07/2018



Grandes apreensões de maconha acenderam o sinal de alerta para órgãos de segurança pública do Estado. Isso porque o escoamento da safra de maconha paraguaia - cujo país é o maior fornecedor do entorpecente ao Brasil – está em pleno andamento. 
O chefe de policiamento e fiscalização André Luis Peringer, da 10ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal, disse que o órgão policial está preocupado, pois grandes cargas de droga estão abastecendo o Estado. “Temos a informação de que há uma grande produção de maconha, e esta droga acaba circulando pelas rodovias federais do Rio Grande do Sul. Nos últimos dias, apreensões de grande quantidade de entorpecente foram constatadas”, informou. 
De acordo com Peringer, existe uma grande demanda, principalmente por maconha no Estado. “O crime organizado precisa transportar esta droga para onde for necessário. Verificamos um grande problema na fronteira com o Uruguai, onde o consumo da droga foi legalizado, então, a partir do momento em que todos podem usar maconha, o controle fica mais difícil, e estão chegando muitas cargas para o Brasil”, destacou. 
Segundo a autoridade policial, o tráfico de drogas nos municípios da região é feito de forma secundária. “Temos o tráfico internacional de drogas, onde toneladas de entorpecentes chegam ao País. Depois, em um segundo momento, essa droga é distribuída, onde o crime organizado realiza, atua e coordenada esta logística”, explicou. 
Dentre as apreensões que mais repercutiram nos últimos dias, está a de uma carga de maconha, escondida em uma carreta carregada de milho. O trabalho policial ocorreu na sexta-feira, 13, na BR-386, em Lajeado, onde 1.520 kg da droga foram encontrados distribuídos em um compartimento da carga. 


Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por