Notícia

Rural

Ano será de desafios, diz Karlinski

Postada 22/12/2017



O resultado da eleição e a participação dos associados do Sindicato dos Trabalhadores Rurais(STR) servirá para que uma reflexão conjunta aos associados seja feita em 2018 na avaliação do presidente reeleito Carlos Karlinski. Os números mostraram baixa adesão na votação, mesmo que o quórum mínimo(10%) tenha sido atingido. Foram apenas 141 votos a favor da chapa inscrita, enquanto 1.197 associados ao STR estavam aptos ao voto.

“Em termos de participação deixou muito a desejar porque os associados não deram valor a uma atividade importante como é a eleição para a escolha de quem vai dirigir a sua entidade sindical”, disse Karlinski. Ao avaliar o trabalho desenvolvido neste ano, disse que o resultado do pleito leva a diretoria eleita a elaborar um roteiro de reuniões pelo interior para que o associado possa se sentir pertencente à categoria.

A intenção, de acordo com ele, é continuar as mobilizações buscando resistir a reforma da previdência, bem como dar ênfase à pautas importantes como é o programa de habitação rural e o crédito fundiário que em 2017 ficaram praticamente estagnados. Ao discorrer sobre as atividades realizadas de luta por melhores preços para o leite, atividade que provocou o afastamento de mais de 24 mil famílias do meio rural neste ano Karlinski disse que “A discussão sobre o leite foi desafiadora em 2017 e que há muita expectativa para uma reação do setor em 2018”.

No roteiro de reuniões a ser desenvolvido a partir do primeiro bimestre do ano que vem, a discussão será em torno do zelo a ferramenta que é o sindicato. “Há uma diminuição sendo registrada no quadro associativo e precisamos trazer o agricultor associado para o debate sobre o cenário existente na economia e no desenvolvimento do meio rural”, finalizou.



Edição Impressa


Ver Todas as Edições
Trabalhe no Grupo JM Espaço do Leitor - Assine - Anuncie -
Albino Brendler, 122, Centro, Ijuí-RS
(55) 3331-0300
[email protected] Desenvolvido por